Exercícios práticos sobre linguagem

Olá, amigos. Neste artigo vamos colocar em prática um pouco do que aprendemos nos dois artigos anteriores.

São alguns exercícios de aplicação do conteúdo sobre variedades linguísticas e sobre Linguagem.

Caso queira aprender mais sobre Língua Portuguesa e redação e ainda usar um método perfeito para estudar para concursos, acesse o blog Mais educativo (saiba mais aqui).

Bons estudos.

Atividades para estudar para concurso

1. A linguagem da tirinha revela

a) o uso de expressões linguísticas e vocabulário próprios de épocas antigas.

b) o uso de expressões linguísticas inseridas no registro mais formal da língua.

c) o caráter coloquial expresso pelo uso do tempo verbal no segundo quadrinho.

d) o uso de um vocabulário específico para situações comunicativas de emergência.

e) a intenção comunicativa das personagens: a de estabelecer a hierarquia entre elas.

2. Uma língua é um sistema social reconhecível em diferentes variedades e nos muitos usos que as pessoas fazem dela em múltiplas situações de comunicação. O texto que se apresenta em norma culta é

a) Quando você quis eu não quis
Qdo eu quis você n quis
Pensando mal quase q fui
Feliz
Cacaso

b) — Aonde é que você vai, rapaz?!
— Tá louco, bicho, vou cair fora!
— Mas, qual é, rapaz?! Uma simples operação de apendicite!
Ziraldo

c) Eu, hoje, acordei mais cedo e, azul, tive uma ideia clara.
Só existe um segredo.
Tudo está na cara.
Paulo Leminski

d) Com deus mi deito com deus mi levanto
comigo eu calo comigo eu canto
eu bato um papo eu bato um ponto
eu tomo um drink eu fico tonto.
Chacal

e) O tempo é um fio
por entre os dedos.
Escapa o fio,
perdeu-se o tempo.
Henriqueta Lisboa

3.

Óia eu aqui de novo xaxando
Óia eu aqui de novo para xaxar
Vou mostrar pr’esses cabras
Que eu ainda dou no couro

Isso é um desaforo
Que eu não posso levar
Que eu aqui de novo cantando
Que eu aqui de novo xaxando

Óia eu aqui de novo mostrando
Como se deve xaxar
Vem cá morena linda

Vestida de chita
Você é a mais bonita
Desse meu lugar

Vai, chama Maria, chama Luzia
Vai, chama Zabé, chama Raque
Diz que eu tou aqui com alegria

BARROS, Antônio de. “Óia eu aqui de novo”. Disponível em: <http://www.luizluagonzaga.mus.br>. Acesso em: 5 maio 2013. (adaptado)

A letra da canção de Antônio de Barros manifesta aspectos do repertório linguístico e cultural do Brasil. O verso que singulariza uma forma característica do falar popular regional é

a) “Isso é um desaforo”.

b) “Diz que eu tou aqui com alegria”.

c) “Vou mostrar pr’esses cabras”.

d) “Vai, chama Maria, chama Luzia”.

e) “Vem cá morena linda, vestida de chita”.

Texto para a questão 4.

4. Bastante comum na fala coloquial, o modo de se empregar o pronome na fala da personagem

— Maneiro encontrar tu! – também ocorre em:

a) Aquele livro era para nós uma joia, pois tinha sido de .nosso avô e de nosso pai.

Quando o pessoal chegou na frente do prédio viu ali ele com a namorada nova.

c) Todos tinham certeza de que ela ofereceria para mim o primeiro pedaço de bolo.

d) A todos volto a afirmar que entre mim e ti não existem mais rancores nem tristezas.

e) Era uma situação embaraçosa e para eu me livrar dela seria bastante difícil mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *